A internet está ficando chata

A internet está chata. As pessoas do mundo virtual estão chatas, arrogantes e mal-educadas. Estão perdendo a noção do limite entre opinar e desrespeitar. Estão abusando da liberdade de expressão e transformando-a em exercício diário da má educação. Estão usando o mundo virtual como uma válvula de escape para as frustrações do mundo real. 

O mundo virtual está muito chato. As pessoas se acham no direito de atacar o outro, criticar os seus defeitos, apontar os seus erros sem olhar para o próprio umbigo. Todo mundo comenta sobre tudo, numa tentativa desesperada de parecer intelectual, “do bem”, moderninho, praticante dos bons modos, educado, civil, conhecedor do mundo, das leis, conhecedor até da vida do outro, o qual só conhece através de fotos e atualizações de status. 

As pessoas reclamam de tudo. Não seguem só as páginas relacionadas com o que gostam, mas também o que não gostam. Vomitam a sua indignação por coisas banais como o photoshop de fulaninha que diminuiu as coxas e criticam se a mesma aparece com coxas grossas em outra foto: SUA GORDA, OBESA! 

Enchem o perfil dessas pessoas com comentários abusivos, agressivos, coisas que talvez, ou melhor, que com certeza jamais falariam se estivessem cara a cara, frente a frente com quem tanto critica. Protegem-se atrás de uma tela, de um perfil privado, criam até perfis falsos só para isso.  A que ponto chegamos…

A blogueira é rica e famosa, chegou aonde chegou por mérito próprio, mas também é “feia, usa photoshop, não ri porquê tem dentes feios” e até a mãe entra no meio. Coitada. Como você se sentiria se xingassem a sua mãe de horrorosa? Os ricos também sofrem. A mãe dos ricos também é mãe, que tenta proteger a qualquer custo o seu filho desse mundo cruel. É mãe como a sua que se orgulha com as conquistas da cria. Merece o seu respeito. 

Se a blogueira separou e arrumou outro namorado, se traiu ou não traiu, deixa de ser do bem para ser a massacrada. Engraçado, porque conheço milhares de pessoas que traem e jamais foram apedrejados dessa forma. Ah, eles não eram famosos, então tudo bem, né? Não, trair não é legal. Mas não diz respeito a mais ninguém, a não ser aos envolvidos no caso. Eu não tenho nada a ver com isso, você também não tem. Então, se você não é meu amigo, parente ou tem alguma ligação comigo, não tente me defender agredindo a quem me machucou. Você não estará dando lição de moral, vai continuar sem razão por se meter aonde não deveria. 

Eu acho incrível como as pessoas, que já tem tantos problemas no dia a dia, ainda acham disposição e tempo para tomar conta do problema dos outros. Estamos perdendo o respeito pelo próximo. Estamos perdendo a chance de ficarmos calados quando não temos nada de bom a dizer. Quando a nossa opinião não vai ajudar a melhorar o que já está ruim. 

Eu sou baixinha, tenho bochechas enormes, sou dentuça e acho que minha bunda poderia ser 3 vezes menor. Me acho gorda em 90% das fotos e ficaria extremamente deprimida se as pessoas ao meu redor apontasse os defeitos que EU JÁ SEI QUE TENHO. Porque essa história de “eu não tô nem ai pro que dizem” é balela. A gente tá ai sim. Porque queremos ouvir coisas boas, a gente quer ouvir críticas construtivas, de gente do bem, gente que quer nos ajudar a crescer. Gente que usa o seu tempo livre para espalhar energia boa. 

Tem gente morrendo por conta das drogas, por conta do tráfico ou do uso. Tem gente morrendo por ser gay, por ser filho de gays ou por sofrer bullying só porque não se encaixa nos padrões da maioria. Tem mãe que é negra, branca, gorda, magra, que pode ser feia aos seus olhos, mas é linda aos olhos dos filhos. Tem gente que nunca mexeu num computador e talvez nunca vai mexer. E você, que teve acesso a educação, sabe discernir o certo do errado, reclama do país em que vive, reclama do governo, da pobreza, mas só reclama e nada faz.  Você tem o privilégio de poder usar a tecnologia para ler, se informar, aprender, melhorar como ser humano, mas ao invés disso dissemina um ódio gratúito só porque a Thássia não posa sorrindo? Você é chato e está deixando a internet chata. 

Anúncios

7 comentários sobre “A internet está ficando chata

  1. Izabella

    Muito bom, Arita!!
    Concordo plenamente!
    Parabéns pelo seu blog, conheci recentemente! Tia Zélia vive falando de vc pelo Canadá e diz que perderá outra sobrinha pro mundo! Hahaha
    Beijo e parabéns pelo blog novamente!

  2. Julia

    Otimo texto! Vc resumiu em palavras algo que venho sentindo ultimamente ao utilizar as redes sociais e me deparar com tanto odio gratuito e falta de respeito: as pessoas estão muito chatas. E esse é mais um motivo que me faz querer sair do Brasil e ir pro Canadá, um país que, pelo menos aparentemente, sabe lidar com as diferenças.
    P.s.: so contextualizando, acabei de conhecer o seu blog, atraves da entrevista pro Gaby no Canada, e estou adorando todos seus textos! Vou virar assinante do blog ja! Haha. Ah, e tb sou baiana! 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s